filmes, prazeres culposos

Prazeres culposos: O Justiceiro

dolph-lundgren-the-punisher-movie-marvel.jpg

Reassisti a esse filme há duas ou três semana e fiquei encantada, porque descobri que ainda gosto muito dele mesmo depois de tanto tempo. Só descobri que se tratava de uma adaptação dos quadrinhos recentemente. O filme conta a história de um policial que tem a família assassinada por mafiosos e decide se vingar.

A maioria das críticas que eu li a respeito dizem que o filme é ruim porque não é fiel ao quadrinho e Dolph não passa emoção, como eu nunca li O Justiceiro, não sei comentar sobre isso, mas com filme de ação ele funciona muito bem. Eu achei que o Dolph tava bem nesse filme . Entendi o personagem como alguém pertubardo com a dor da perda e já não sentia mais nada, por tanto não tinha porque se debulhar em lágrimas. Adorei o visual do Dolph Lungren no filme(eu sou suspeita, porque eu gosto muito desse ator) como um motoqueiro. Até gostei da ideia dele ter que cooperar com um inimigo por causa de um certo evento e de ter seu julgamento moral balançado. A cena final é bem tensa e eu duvido que a patrulha ”policamente correta pacifista” deixaria passar aquilo atualmente.

No fim das contas O Justiceiro é um bom filme de ação dos anos 80 que é simplesmente divertido de ver.

Anúncios
prazeres culposos, Sem categoria

Prazeres culposos

dolph-lundgren-the-punisher-movie-marvel.jpg

Sabem aqueles filmes, novelas, livros e entretenimento que a maioria acha ruim( muitas vezes é ruim mesmo), mas a gente gosta do mesmo jeito, pois é, de vez enquando eu vou postar sobre alguns dos meus gosto um pouco duvidosos.

Na foto Dolph Lundgren no filme ”O Justiceiro”, considerado por muito um filme ruim, mas eu acho um ótimo filme de ação de sua época. Em breve eu comento aqui sobre o filme.